saiba-como-usar-o-fgts-para-comprar-imoveis

Saiba como usar o FGTS para comprar imoveis

Saiba como usar o FGTS para comprar imóveis

Você está decidido a comprar um apartamento, pensando em fazer um financiamento imobiliário e, para facilitar, pensou em usar seu FGTS. Daí se pergunta: mas como usar o FGTS para comprar imóveis? Quais as exigência do processo burocrático? É fácil ou um sonho distante? 

De fato, o saldo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito do trabalhador e pode ser utilizado na compra do seu apê dos sonhos, porém existem algumas condições para uso do FGTS para imóveis. Continue aqui que a gente conta!

Quais as condições para  usar o FGTS para comprar imóveis? 

Um dos modos de usar o saldo FGTS para comprar um apartamento é na entrada do financiamento imobiliário, porém algumas condições são necessárias para o benefício. As condições que permitem usar o FGTS para comprar imóveis são:

  • O comprador já deve ter pelo menos três anos de trabalho sob o regime do FGTS, mesmo que este tempo não seja consecutivo;
  • O imóvel deve ser residencial, situado em área urbana, com valor de no máximo 1,5 milhão de reais;
  • O comprador deverá residir no imóvel em questão, afinal ele não pode comprá-lo para terceiros;
  • O comprador não pode ter em seu nome outro imóvel na cidade onde pretende comprar seu apartamento ou cidade onde trabalha;
  • O imóvel não pode ter sido objeto de uso do FGTS em uma aquisição anterior realizada em menos de três anos. Após esse período, ele pode ser novamente comprado com auxílio do FGTS;
  • O comprador não pode ter financiamento ativo no SFH (Sistema Financeiro de Habitação) em qualquer lugar do Brasil.

Agora que você já conhece as condições para uso do FGTS, é necessário conhecer as etapas de como usar o FGTS para comprar imóveis.

Próximas etapas para usar o FGTS na entrada do seu apartamento

O financiamento imobiliário ocorre em etapas que não dependem apenas de você, comprador, mas também do agente financeiro envolvido na transação. Este agente financeiro pode ser um banco, um consórcio ou uma companhia de crédito imobiliário. Dessa forma, as etapas são:

  • análise e a aprovação de crédito pelo agente financeiro;
  • aprovação dos documentos;
  • avaliação do imóvel;
  • solicitação do saque do FGTS pelo agente financeiro e seu envio para a Caixa (é importante saber que o dinheiro do FGTS não pode ir para a sua conta pessoal durante a transação, e sim para o agente financeiro); e
  • a assinatura do contrato de financiamento no cartório de imóveis.

Para poder usar o FGTS para comprar imóveis, também é importante que você fique de olho no seu saldo do benefício e separe a documentação necessária. O saldo pode ser consultado pelo site, aplicativo ou agência da Caixa através do seu número do PIS/NIS/PASEP. Sobre a documentação, de acordo com o site da Caixa, ela é composta por:

  • documento de identificação oficial;
  • extrato de conta vinculada ao FGTS;
  • Carteira de Trabalho comprovando o tempo de trabalho sob regime do FGTS ou uma declaração do órgão gestor da mão de obra ou do sindicato para trabalhadores avulsos; e
  • Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF). Casais devem apresentar as declarações de ambos os cônjuges;

A Imobol tem parceria com agentes credenciados aos principais bancos do país. Estamos à sua disposição para cuidar do início ao fim do processo de compra do seu novo apê! Confira algumas de nossas oportunidades!

Queremos te atender!

Preencha o formulário com seus dados, que retornaremos em breve!


*Campos obrigatórios

Imobol - Imobiliária Online

Vender um imóvel na Imobol é mais fácil do que você imagina.

VENDER MEU IMÓVEL